Há 13 anos atrás

A FEPASA, Ferrovia Paulista S.A, foi criada em meados da década de 70 pelo Governador Laudo Natel, que unificou as Empresas Paulistas de Ferrovias, que tiveram suas incorporações à FEPASA do acervo total da: Companhia Mogiana de Estradas de Ferro, da Estrada de Ferro Araraquara S/A, Estrada de Ferro Sorocabana S.A. e Estrada de Ferro São Paulo e Minas. A vida da FEPASA durou até 29 de maio de 1998, quando o Governo Tucano iniciou as Privatizações da Malha Ferroviária de São Paulo. Passando o Controle para a FerroBan, depois para a RFFSA epor fim está sendo administrada pela a ALL (America Latina Logística).
Com o passar do tempo o trêm foi perdendo espaço para os transportes Rodoviários, pois a gestão da empresa foi deixando os ativos sucatear. Lembro-me quando criança que fomos diversas vezes para São Paulo, em família, de Trem. Pois era bem mais barato. Confesso que era bem mais barato que viajar de ônibus. Demorava um pouquinho, mas tinha um certo glamour. Sempre havia muitos passageiros. Fato que após as privatizações, o que era Ruim, ficou pior. Pois as ferrovias foram sucateadas, cabos roubados e as estações foram Fechadas e Abandonadas. Não há mais esse serviço de transporte de passageiros. Algumas prefeituras, como a de Campinas, transformaram as estações abandonadas em um espaço Cultura, tipo Museu.
Engraçado que todos sabem que é mais barato, mais interessante, o transporte por trilhos mas os políticos brasileiros correm para trás. Sinceramente, se a malha ferroviária fosse mais aproveitada, conseguiríamos ter um gargalo melhor na malha de transportes e logísticas, e acredito que mesmo com o maior numero de Voos, Onibus, muita gente iria usar esse Transporte por Trilhos.
Hoje os mesmos políticos querem o Trem de Alta Velocidade (TAV) mas fica pouco justificável já que os mesmos, desvalorizaram o Trem que já existia né?
Vamos ver no que vai dar os novos projetos. Lembro ainda que a Concessão da Malha Ferroviárias é por 20 anos, ou seja já se passaram 13 anos e faltam mais 7, Será que o Estado vai pegar a malha de volta? Tomara que não seja o PSDB no governo de SP. Para termos alguma chance.
Abraços Montanha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *